RESULTADOS PREVISIONAIS

O presente GO prevê os seguintes resultados:

  • Aumento do conhecimento sobre um dos principais grupos de substâncias prioritárias com impacte ambiental e humano, podendo ser um instrumento de gestão ambiental no âmbito da política Europeia de qualidade de água nomeadamente de rega, e da sustentabilidade de utilização e monitorização de fitofármacos;

 

  • Maior conhecimento da dinâmica/ transferência e ciclo de vida dos fitofármacos aplicados, correlacionando a sua presença na cultura e no solo, com as principais características do químico (persistência ambiental, bioacumulação), bem como com a sua origem, quer por transferência a partir da água de rega (fitofármacos que se encontram na massa de água), quer por aplicação na cultura (de acordo com a aplicação na cultura);

 

  • Política de segurança alimentar mais efetiva a nível europeu, tendo em consideração os intervalos de risco deste grupo de químicos;

  • Auxílio das entidades gestoras (como por ex.: APA; EDIA), a direcionar as estratégias de gestão de recursos hídricos com o objetivo último de melhorar a qualidade da água no que respeita aos fitofármacos.

A junção do conhecimento agrícola e ambiental neste GO, no âmbito de uma política sustentável de utilização de fitofármacos irá possibilitar, obter ainda os seguintes resultados:

  • Proteção e conservação recursos hídricos, e em particular da água de rega;

  • Melhoria da qualidade e conservação dos solos agrícolas;

  • Melhoria de parâmetros de segurança alimentar;

  • Incremento dos parâmetros de biodiversidade nos respectivos ecossistemas.

>> Identificação/ criação de um conjunto de indicadores (biológicos e/ou químicos) de avaliação do uso sustentável de fitofármacos e a elaboração de um Manual de Boas Práticas de gestão sustentável de fitofármacos ajustado às culturas de regadias estudadas.

PROJETO COFINANCIADO POR:
PDR_PT2020_FEADER (3).png